• Periódico
  • Compartilhar
    • Compartilhar no LinkedIn

Revista Estudos Feministas

Sobre o documento

Resumo

A Revista Estudos Feministas é uma publicação quadrimestral do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) e Centro de Comunicação e Expressão (CCE) da Universidade Federal de Santa Catarina, integrada ao Instituto de Estudos de Gênero (IEG). Tem o objetivo de divulgar a produção de conhecimento no campo dos estudos feministas e de gênero, buscando dar subsídios aos debates teóricos nessa área, bem como instrumentos analíticos que possam contribuir às práticas dos movimentos de mulheres.

Características relacionadas

  • Nenhum tema.
  • Nenhuma pessoa.
  • Nenhuma localidade.
  • Nenhuma instituição.
  • Nenhuma referência temporal.
  • Nenhuma ação.

Documento relacionado

  • Artigo
  • Compartilhar
    • Compartilhar no LinkedIn

Um bocado de sexo, pouco giz, quase nada de apagador e muitas provas: cenas escolares envolvendo questões de gênero e sexualidade

Sobre o documento

  • Data de publicação: 08/2011
  • Autor(es): Array
  • Instituição relacionada: Centro de Comunicação e Expressão - UFSC (Editora)
  • Identificadores: ISSN 1806-9584
  • Fonte: http://www.scielo.br/pdf/ref/v19n2/v19n2a17.pdf
  • Data de Acesso à Fonte: 23/09/2016
  • Suporte: Texto
  • Tipologia: Artigo
  • Duração: 12 páginas
  • Edição: Volume 19; Número 2
  • Tipo Licença: CCBY - atribuição

Resumo

A partir da análise de cenas escolas de salas de aula de Porto Alegre, discute-se temas como: autonomia pedagógica da escola; aprendizagem científica e processos de socialização; educação pública laica; valorização da diversidade; estratégias de inclusão; políticas de equidade de gênero; qualidade das aprendizagens; papel do professor; e especificidades da educação pública. Ao final, são estabelecidos alguns princípios para o trabalho com gênero e sexualidade na escola.

Características relacionadas

Documento relacionado

  • Artigo
  • Compartilhar
    • Compartilhar no LinkedIn

Juventude ciborgue e a transgressão das fronteiras de gênero

Sobre o documento

  • Data de publicação: 08/2011
  • Autor(es): Array
  • Instituição relacionada: Centro de Comunicação e Expressão - UFSC (Editora)
  • Identificadores: ISSN 1806-9584
  • Fonte: http://www.scielo.br/pdf/ref/v19n2/v19n2a15.pdf
  • Data de Acesso à Fonte: 23/09/2016
  • Suporte: Texto
  • Tipologia: Artigo
  • Duração: 14 páginas
  • Edição: Volume 19; Número 2
  • Tipo Licença: CCBY - atribuição

Resumo

Pessoas e máquinas estão cada vez mais conectadas por meio de um processo de intensa simbiose. O artigo analisa o processo de ciborguização da juventude e reflete sobre a interface entre o currículo de uma escola pública de Ensino Médio e as comunidades e os perfis no Orkut das/os alunas/os dessa escola. O argumento desenvolvido é o de que as estratégias utilizadas em um currículo podem ser traduzidas no outro, tendo como efeito ora a transgressão, ora o fortalecimento das fronteiras de gênero.

Características relacionadas